Seguidores

sábado, 24 de janeiro de 2015

Oscars Countdown || Gone Girl




O filme é de David Fincher, e quando penso num filme de David Fincher é inevitável pensar em dois dos meus filmes preferidos: Se7en e Fight Club!
Gone Girl não está claramente ao nível de nenhum dos dois, apesar de ser um filme à la Fincher e ninguém melhor que o próprio para descrever os seus filmes: "Some people go to the movies to be reminded that everything's okay. I don't make those kinds of movies.".
É intenso, tem vários plot twists e tem personagem muito construídos, destaque para a parte em que se percebe realmente o quão metódica e maníaca é Amy e claro para o grande final!
Não morro de amores por Ben Affleck, se bem que tem vindo a subir na minha consideração (Argo foi um bom filme), sobre Rosemund Pike nada sabia e surpreendeu-me pela positiva mas ainda assim não me parece performance merecedora de um Oscar a não ser que a concorrência seja fraca.

Opinião: [7/10]





(O vídeo contém spoilers)


Se gostaram deste Honest Trailer têm muito com que se entreter aqui

terça-feira, 20 de janeiro de 2015

Mestre Margarida ao vosso dispor!

Depois do pior ano da minha vida, 2015 começou da melhor forma.
Enquanto me lembrar desta não volto a mergulhar nos livros e principalmente enquanto me lembrar das 2.30h de discussão da Dissertação.




terça-feira, 30 de dezembro de 2014

Detesto lingerie azul...

A seguir ao roxo/lilás/violeta acho que que é a pior cor para lingerie de sempre! Não simplesmente lingerie sexy e gira em azul, juntando isso ao facto de não ser mesmo nadinha supersticiosa percebe-se o porquê de nunca ter usado lingerie azul na Passagem de Ano.
Mas depois uma pessoa tem um ano mesmo mau, tipo o pior de sempre e no desespero comprou um conjunto azul para usar, assim o mais engraçado que encontrou (não foi tarefa fácil!). Depois logo vos conta se isto da lingerie azul resulta ou nem por isso...




Que 2015 seja melhor que 2014 para todos os que por cá ainda passam (os outros que se lixem)!

quinta-feira, 18 de dezembro de 2014

Aviso à navegação - Espero voltar um dia destes...

Pensava que 2008 tinha sido o pior ano da minha vida. Não foi. Aquilo de haver saúde e tudo o resto que se vai orientado é verdade. 2014 foi o pior ano da minha vida. Não vale a pena continuar este blog enquanto não estiver bem e também não sei quando vou conseguir actualizá-lo.




Pode ser que consiga pelo menos ir comentando blogs.

 Até um dia!

Uma conversa entre o Estado e o Contribuinte

Contribuinte - Gostava de comprar um carro.

Estado - Muito bem. Faça o favor de escolher.

Contribuinte - Já escolhi. Além do preço, tenho que pagar alguma coisa mais?

Estado - Sim. Imposto sobre Automóveis (ISV) e Imposto sobre o Valor
Acrescentado (IVA)

Contribuinte - Ah... Só isso.

Estado - ... e uma "coisinha" para o pôr a circular. O selo.

Contribuinte - Ah!...

Estado - ... e mais uma coisinha na gasolina necessária para que o
carro efetivamente circule. O ISP.

Contribuinte - Mas... sem gasolina eu não circulo.

Estado - Eu sei.

Contribuinte - ... Mas eu já pago para circular...

Estado - Claro!...

Contribuinte - Então... vai cobrar-me pelo valor da gasolina?

Estado - Também. Mas isso é o IVA. O ISP é outra coisa diferente.

Contribuinte - Diferente?!

Estado - Muito. O ISP é porque a gasolina existe.

Contribuinte - ... Porque existe?!

Estado - Há muitos milhões de anos os dinossauros e o carvão fizeram
petróleo.. E você paga.

Contribuinte - ... Só isso?

Estado - Só. Mas não julgue que pode deixar o carro assim como quer.

Contribuinte - Como assim?!

Estado - Tem que pagar para o estacionar.

Contribuinte - ... Para o estacionar?

Estado - Exato.

Contribuinte - Portanto, pago para andar e pago para estar parado?

Estado - Não. Se quiser mesmo andar com o carro precisa de pagar seguro.

Contribuinte - Então pago para circular, pago para conseguir circular
e pago por estar parado.

Estado - Sim. Nós não estamos aqui para enganar ninguém. O carro é novo?

Contribuinte - Novo?

Estado - É que se não for novo tem que pagar para vermos se ele está
em condições de andar por aí.

Contribuinte - Pago para você ver se pode cobrar?

Estado - Claro. Acha que isso é de borla? Só há mais uma coisinha...

Contribuinte - ...Mais uma coisinha?

Estado - Para circular em autoestradas...

Contribuinte - Mas... mas eu já pago imposto de circulação.

Estado - Pois. Mas esta é uma circulação diferente.

Contribuinte - ... Diferente?

Estado - Sim. Muito diferente. É só para quem quiser.

Contribuinte - Só mais isso?

Estado - Sim. Só mais isso.

Contribuinte - E acabou?

Estado - Sim. Depois de pagar os 25 euros, acabou.

Contribuinte - Quais 25 euros?!

Estado - Os 25 euros que custa pagar para andar nas autoestradas.

Contribuinte - Mas não disse que as autoestradas eram só para quem quisesse?

Estado - Sim. Mas todos pagam os 25 euros.

Contribuinte - Quais 25 euros?

Estado - Os 25 euros é quanto custa o chip...

Contribuinte - ... Custa o quê?

Estado - Pagar o chip. Para poder pagar.

Contribuinte - Não percebo ...

Estado - Sim. Pagar custa 25 euros.

Contribuinte - Pagar custa 25 euros?

Estado - Sim. Paga 25 euros para pagar.

Contribuinte - Mas eu não vou circular nas autoestradas

Estado - Imagine que um dia quer...tem que pagar.

Contribuinte - Tenho que pagar para pagar porque um dia posso querer?

Estado - Exatamente... Você paga para pagar o que um dia pode querer.

Contribuinte - E se eu não quiser?

Estado - Paga multa.